Inicial > Dicas > Como ter uma boa saúde financeira pessoal

Como ter uma boa saúde financeira pessoal

Ter uma boa saúde financeira requer disciplina, organização e força de vontade em economizar e evitar gastos com itens ou produtos desnecessários que poderiam esperar um pouco mais para serem comprados.


Publicidade

Acredito que todas as pessoas conhecem aquele velho ditado que diz: “Dinheiro não é o problema mais sim a solução”, e em parte esse ditado esta correto, no entanto dinheiro nas mãos de pessoas que não sabem administra-lo pode se tornar um problema, ou melhor pode simplesmente desaparecer.

Pois por incrível que pareça, boa parte da população não tem o habito de poupar e economizar, ou seja, não sabe juntar dinheiro, e quanto mais ganha mais gasta, e muitas vezes faz gastos desnecessários ou gastos que poderiam esperar, em resumo, algumas pessoas acabam trocando as prioridades do que deve ser pago.

E final de ano por exemplo, é um prato cheio para que as pessoas mais desorganizadas com suas finanças acabem “enviando ainda mais o pé na jaca”, pois acabam gastando mais do que deveriam com presentes, viagens e festas e acabam iniciando o ano em vermelho, e como todos sabem no inicio do ano existem muitas contas a serem pagas, entres elas o IPTU, IPVA, renovação de seguro, etc.

E para não ser pego de surpresa, é muito importante ter uma boa saúde financeira pessoa, abaixo segue algumas dicas pessoais que acredito podem ajudar a você a se organizar com as suas contas.

Dicas de como ter uma boa saúde financeira

Saber quanto ganha e quanto gasta
Esse é o primeiro passo, você precisa saber o quanto ganha por mês, isso somando o seu salário e o salário de sua esposa, no caso de casais.

Colocar em um papel, isso mesmo, escrever todas as despesas que você tem durante um mês, desde um simples chicletes aquela gorjeta, enfim, tudo deve ser especificado por data, local e valor.

Ao chegar no final do mês você consegue ter uma visão de onde cada centavo do seu salário foi parar, e qual o saldo final, se sobrou ou faltou dinheiro.

Essa dica de anotar tudo o que gasta é super simples, porém é necessário que você tenha disciplina e não tenha preguiça de fazer esse trabalho, seja disciplinado, principalmente nas primeiras semanas que com o tempo isso vai virar uma rotina em sua vida.

Bem, agora que você já sabe quanto você ganha e quanto você gasta, e tem o que sobrou(se sobrar algo no final do mês), é hora de analisar onde você pode cortar ou diminuir gastos, e tendo essa relação de tudo o que você gastou, você vai se surpreender como você tem gasto dinheiro em coisas desnecessárias ou que poderiam esperar mais para serem compradas.

Aprender a poupar
Após verificar que você consegue fazer sobrar X% do seu salário por mês, não é hora de sair para gastar esse valor, pois é assim que muitas pessoas fazem, não pode ver um dinheiro sobrando que vão as comprar, e muitas vezes compram o que não precisa.

É necessário aprender a poupar, e esse valor que “sobrou” do seu salário, aplique em uma caderneta de poupança, isso mesmo, defina uma meta e um valor que você pretende poupar todo mês, assim você consegue ter uma reserva extra no caso de perda de emprego, ou gastos que não estavam previstos como possíveis problemas de doenças por exemplo.

Com essa reserva financeira no final do ano, você pode quitar contar como IPVA e IPTU a vista por exemplo que oferecem um bom desconto, ou seja, é um dinheiro a mais que você deixou de gastar com os juros.

Motivação para poupar
É comum ouvir pessoas comentando que não economizam porque ganham pouco ou porque não tem pretensões do que fazer com o dinheiro, então acabam gastando com roupas, sapatos e muitas outras coisas que talvez não precisavam.

Neste caso, trace sonhos, conquistas, se você sonha com aquela linda tv de Led de 50 polegadas na sua sala e não tem dinheiro para pagar a vista, começa a poupar um pouco todo mês, que quando chegar o final do ano, as chances de você ter dinheiro para comprar essa tv a vista serão grandes!

E como todos sabem, ou deveriam saber, quando você compra a vista é sempre possível conseguir melhores descontos, sem contar que ao parcelar uma tv por exemplo em muitos casos os juros são tão altos que no final você acaba pagando duas tv’s.

O importante é quanto você faz sobrar no final do mês
Essa é uma frase que sempre ouvi do meu pai, desde criança, que o importante não é quanto você ganha, mas sim quanto você consegue fazer sobrar no final do mês, ou seja, se você ganha mil reais e consegue poupar 200 reais esta de parabéns, pois você esta formando uma reserva financeira, muito melhor do que uma pessoa que ganhar 2 mil reais por mês e acaba gastando isso tudo ou até mais que isso, e acaba entrando no cheque especial ou nos juros do cartão de crédito.

Bem, é isso, espero que essas simples dicas que realmente fazem a diferença entre ser uma pessoa bem ou má sucedida nas finanças pessoais!

Coloque elas em prática, tenho certeza que após um ano sendo disciplinado(a) no final de 12 meses você estará em uma situação financeira bem mais confortável e sem sustos.


Leia também:
Estamos no Google Plus, siga-nos:

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2011-2017 - LzDuda.com
Contatos: Redes sociais:fb.com/lzduda - Via e-mail: lzdudablog @ gmail.com
Politica de Privacidade