Inicial > Segurança > Investimentos em tempos de crise-Diversificar é a ordem

Investimentos em tempos de crise-Diversificar é a ordem

Com crises que tomam conta de diversos países da Europa, o medo de muitos investidores, sejam pequenos ou grandes é de onde investir neste período obscuro.


Publicidade

A notícia do confisco de 40% do dinheiro de contas bancárias com mais de 100 mil Euros na pequena Ilha de Chipre é uma das notícias de destaque do setor econômico nos últimos dias, pois investidores de todo o mundo, em especial de países da zona do Euro na Europa estão preocupados que o mesmo possa vir a acontecer com os outros países.

Algo muito parecido aconteceu aqui no Brasil a mais de 20 anos atrás, visando controlar a hiperinflação que existia no Brasil, o então presidente Fernando Collor de Mello e a ministra de Economia, Zélia Cardoso de Mello anunciaram o que seria o confisco de parte dos dinheiro que estava aplicado em contas correntes e poupança dos brasileiros.

Apesar de tal fato ter ocorrido a mais de duas décadas, os brasileiros que tiveram suas economias congeladas, lembram muito bem da situação difícil que enfrentaram.

E sempre que se ouve notícias de algum realizando o confisco de aplicações financeiras afim de evitar que um país quebre é algo que deixa todos com algum tipo de temor.

E nestes momentos difíceis onde a economia mundial parece patinar, a pergunta que mais se ouve em roda de amigos é: Onde investir?

E no momento que paramos para analisar o cenário atual, temos a impressão que vivemos uma sinuca de bico, uma vez que investimentos ditos seguros como o ouro, esta com o preço bastante alto atualmente, moedas como o Euro e o Dólar estão bastante voláteis, a bolsa de valores sendo um investimento de alto risco naturalmente acaba afastando os investidores mais conservadores, ainda mais depois das grandes perdas depois da crise de 2008.

Investir em imóveis até algum tempo atrás era um bom negócio, porém as grandes altas que ocorreram nos últimos anos, principalmente pelo crédito farto e incentivos do governo, acende a luz amarela de uma possível bolha imobiliária no Brasil.

Ainda temos a redução dos juros pago na poupança que atualmente esta vinculada com a taxa SELIC, com isso os juros pagos ficam abaixo de meio por cento ao mês.

E para completar o nebuloso cenário atual, temos o PIB(Produto Interno Bruto) do Brasil que no último foi muito abaixo do esperado, sendo inclusive o mais baixo dos países que fazem parte do BRIC(países em desenvolvimento).

Então onde investir ?

Em momentos de grande turbulências como a que vivemos atualmente é difícil arriscar projeções e de qual caminho a economia irá tomar, por isso o melhor investidores conservadores e moderados, sejam grandes ou pequenos, é a diversificação de suas aplicações, neste momento vale aquela velho ditado que diz: “nunca coloque todos os ovos em uma cesta só, pois se essa vir a cair você poderá perder todos eles”.

E para o nosso cenário atual esse ditado server perfeitamente, diversificar é muito importante, uma vez que dessa forma caso venha acontecer um colapso na economia é possível enfrentar a crise de uma forma mais confortável, se bem que quando acontece uma grande crise as chances da maioria da população ser afetada de uma forma ou de outra é bastante grande, seja com a perda de emprego, desvalorização das economias, inflação, etc.

E sobre o assunto, o que o amigo leitor acha? Qual a sua opinião a respeito desse tema?


Leia também:
Estamos no Google Plus, siga-nos:

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2011-2017 - LzDuda.com
Contatos: Redes sociais:fb.com/lzduda - Via e-mail: lzdudablog @ gmail.com
Politica de Privacidade